financiamentos Financiamento   O que é? Como funciona?O que são os Financiamentos?

Financiamento nada mais é do que uma dívida contraída através de uma operação financeira junto ao um banco ou financeira com um período pré-estabelecido para a quitação dos valores financiados. Uma vez contraída a dívida, o credor automaticamente assumi o recurso que foi emprestado e também os valores dos juros e taxas incluídos no contrato de crédito ou financiamento no valor total do empréstimo.

Os empréstimos através de financiamento em geral são oferecidos no intuito de facilitar ao consumidor comum a aquisição de bens e serviços. O processo é simples, o consumidor faz o financiamento de uma quantia em dinheiro, essa quantia será devolvida em forma de parcelas mensais com os devidos acréscimos de juros a instituição financeira.

Nos financiamentos em caso de haver atraso nas parcelas, o valor devido da parcela se tornará maior, isso porque serão cobrados juros de mora, multas, encargos financeiros, taxas administrativas e outros, dependendo do tipo do financiamento, claro.

Confiram quais são os contratos mais comuns de financiamentos:

Linha de crédito: São financiamentos flexíveis de curto prazo. São aconselháveis para suprir necessidades emergentes e inesperadas.

Factoring: Outro tipo de financiamento de curto prazo, é aconselhável em casos de necessidades de emergência onde o atraso implica numa cobrança que gerará despesas extras para o credor, que passa a assumir a comissão do cobrador.

Leasing: Este tipo é aconselhável quando não se pretende financiar grande quantidade de dinheiro ou materiais que serão necessários em um período curto.

Como em qualquer operação financeira, o consumidor deve sempre ficar atento no que se refere aos encargos e as taxas de juros cobrados em contratos de financiamentos, procure verificar se existem alguns relatos, reclamações nos meios de comunicação se o banco ou financeira que está oferecendo o empréstimo pratica juros ou encargos ilegais e abusivos.

O Financiamento pode até ser uma ótima oportunidade em algum momento da nossa vida, mas é sempre bom fazer o uso deste produto conscientemente, o melhor mesmo se tiver recursos financeiros sobrando é preferir comprar à vista e barganhar descontos o máximo possível, bem melhor que pagar juros.